terça-feira, 31 de maio de 2011

Obesidade: na infância e na adolescência

O excesso de peso, hoje, não é apenas um problema estético e sim também um problema de saúde. A obesidade pode provocar o início de vários problemas, como diabetes e problemas cardíacos.

Crianças de um modo geral,ganham peso com facilidade,devido á:

1- Hábitos alimentares errados: Muitas crianças e adolescentes comem só besteiras, como: batata frita, hambúrguer, sorvete e outros. Isto não faz nada bem à saúde, pois tem muita gordura e alta taxa calórica.

2- Sedentarismo: Os grandes avanços tecnológicos (televisão, videogame, computador) fizeram com que crianças e adolescentes, principalmente, virassem sedentários. Pois muitos pais têm medo de deixar o filho sair de casa para brincar, então o que resta para crianças e adolescentes é ficar em frente de uma televisão ou de um computador o dia inteiro sentado e comendo; assim a criança ou adolescente acaba comendo e não gastando calorias.

3- Genética da família: Pesquisas já revelaram que, quando um dos seus pais é obeso, a criança ou adolescente tem 50% de chance de ser obeso também e, quando seus pais são obesos, a chance é de 100%.

4- Problemas psicológicos: Pessoas que sofrem com sintomas de depressão acabam sofrendo alterações no apetite, podendo engordar ou emagrecer. Pesquisas comprovaram que, quando a criança ou adolescente esta deprimida, a mesma acaba comento mais doces e geralmente não pratica atividades físicas.

5- Ansiedade: Não só os adultos, mas as crianças e adolescentes também, sofrem de ansiedade. Isto é provocado por causa do stress do dia a dia. Nós adolescentes e crianças sofremos, por exemplo, pelas semanas de provas na escola, por uma apresentação de trabalho escolar entre outros. Quando ficamos ansiosos por causa de algo, ou comemos bastante ou ficamos sem comer, mas a grande parte come compulsivamente.

Alguns passos para uma alimentação saudável:

1- Comer bastantes frutas, legumes e verduras;

2- Respeitar os horários das refeições e não beliscar guloseimas entre uma refeição e outra;

Evitar alimentos gordurosos, como frituras, refrigerantes e doces;

1- Praticar atividades físicas, seja esportes na escola ou academia, mas sempre supervisionado por um profissional;

2- Beber sempre muita água, pelo menos 2 litros por dia.

Se você leitor está ou conhece alguém que está com excesso de peso, procure ou indique o médico, um nutricionista e faça atividades físicas.


Se quiser saber mais, acesse: http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/infantil/obesidade-infantil.htm

Créditos: http://biobio-obesidade.blogspot.com/, acesso em 29 de maio,às 18:38 horas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário