segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Vulpino Italiano

por Taís,

Hoje irei falar sobre um cachorro que a raça dele é chamada de Vulpino Italiano, existe em vários lugares do mundo, era muito conhecido  na Itália.

Em 1965, a raça desapareceu só restaram 5 cachorros, a partir de 1984 a ENCI (Orgão Regulador da Cinofilia na Itália ) propôs um projeto para recuperar o animal, conseguiram recuperar com sucesso.         
  
O animal é de raça pequena entre 25 a 30 cm, muito apegado com a família, eles são alegres e brincalhões , tem nas cores branco, ruivo e creme.   

Achei interessante essa raça, por ser bonita, e pela preocupação que tiveram em recuperá-la.






Fonte:  http://www.solocane.it/sites/default/files/volpino-italiano.jpg
Créditos da imagem:
 http://eternamenteamocaes.blogspot.com.br/2011/10/caes-de-raca-volpino-italiano-quatro.html

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Da minha janela vejo....uma linda horta!

por Pedrão,


Uma linda horta

Da minha janela vejo um quintal cheio de fores e um coqueiro e uma rua sem saída e pouco movimentada. Da minha janela vejo meu primo brincando de carrinho, todo sujo e machucado. Vejo, também, meu vizinho chato incomodando já de manhã com o som alto. Vejo meu primo, novamente, andando descalço.



Da minha janela vejo um dia lindo aos domingos e vejo, pela janela, meus amigos me chamando para jogar bola. Mas, peço para eles esperarem, porque vou almoçar. Ah! Esqueci-me de falar que no meu quintal também existe uma horta, feita por minha mãe que cuida das alfaces, dos tomates e etc. Afinal, quem tem o privilégio de ter uma horta em casa?


quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Jogos vorazes

por Pietra,
O livro/filme Jogos Vorazes fala que depois do fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Se formando por doze distritos, é comandada pela Capital - o centro do país. Um dos jeitos que a Capital encontrou de demonstrar seu poder sobre os carentes e pobres distritos é com Jogos Vorazes, uma competição anual, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são sorteados e obrigados a lutar até a morte! Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima dos jogos, Katniss se oferece a ''jogar''em seu lugar. Vinda do distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente de perigo. Peeta, um jovem que ajudou sua família no passado, também foi escolhido.

Logo na apresentação dos jogadores katniss e Peeta já se sairam bem com suas roupas feitas pelos estilistas Portia e Cinna. Isso ajudara a ganhar patrocinadores para ajudar nos jogos.

Já na arena Katniss decide não se aliar a ninguém, mas quando escuta o recado que nesse jogo poderiam vencer o casal de cada distrito, ela vai em busca de encontrar Peeta. Ela encontra ele camuflado com plantas e barro no chão todo machucado, ela cuida dele e lutam juntos até serem os últimos na arena, até então tudo bem eles iam ser vencedores. Mas ai vem outro recado as regras haviam mudado novamente, tudo isso tinha sido um truque para separar o casal.

Eles decidem comer a ''amora-cadiado'', uma fruta venenosa que tinha dentro da arena, e morrerem juntos, eles estavam enfrentando a Capital e com isso os coordenadores dos jogos ficaram com muita raiva, mas não deixaram eles fazerem isso por que cairia mal para eles. Então esse foi um jogo diferente pois o único que teve dois vencedores.

Jogos Vorazes é um filme divertido, nele há mais de um gêneros, romance, aventura e suspense.Estou super ansiosa para que saia o próximo filme da trilogia,Em Chamas.

domingo, 22 de setembro de 2013

História do campeonato brasileiro de futebol

por Leandro,


Hoje vou falar do Campeonato Brasileiro de Futebol, um dos maiores campeonatos do mundo:

O Campeonato Brasileiro de Futebol é o principal torneio entre clubes de futebol do Brasil, disputado desde 1958, ano em que foi criado. O primeiro campeão brasileiro foi o Santos Futebol Clube que por coincidência é o maior campeão deste torneio graças ao pentacampeonato conquistado de 1961 a 1965.

O torneio é organizado atualmente pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), onde define os principais representantes brasileiros nas competições sul-americanas, dando acesso ao campeão, vice-campeão, terceiro e quarto colocados à Taça Libertadores da América.

O Campeonato Brasileiro, atualmente, é o segundo melhor campeonato de futebol do mundo, superado apenas pela Liga BBVA (Campeonato Espanhol). Desde 2003, o campeonato é disputado por pontos corridos ( todos contra todos) onde quem marcar mais pontos é o campeão e os quatro últimos colocados são rebaixados para a série B.
Lista dos campeões do Campeonato Brasileiro:


 1958-   Santos


Referência:










sábado, 21 de setembro de 2013

Artes marciais nas aulas de Educação Física

por Pablo,

Entrevista realizada com o Professor Paulo Roberto Brzezinski, licenciado em Educação Física pela UFSC (1986) e mestre em Educação pela UFSC (2002). A entrevista trata sobre a necessidade de implementar artes marciais nas aulas de Educação Física. E o questionamento é o que fazer para colocar no currículo de Educação Física esta modalidade esportiva.

A escolha do assunto  da entrevista, é porque acredito que este esporte deve ser praticado. Além de bom para várias coisas ajuda a pessoa a ser mais calma e deixar de ser sedentária.

Nosso entrevistado atualmente é professor e tem experiência na área de Educação escolar, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação Física, educação pública, participação e currículo.

ENTREVISTA

O QUE VOCÊ, UM PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA, ACHA DE COLOCAR UMA PRÁTICA DE ARTES MARCIAIS NA AULA DE EDUCAÇÃO FÍSICA?
Resposta:
Olha, as artes marciais estão dentro do conteúdo da Educação Física que se considera lutas.  Porém tem uma questão que a gente sempre tem que colocar:  marcial remete à preparação para a guerra. Preparação para uma luta, que a princípio, uma disputa de uma supressão pelo outro que pode ter como referência até a morte de um dos adversários. Então enquanto arte marcial eu acho que tem que ser relativizada a inclusão dela na Educação Física. Agora, enquanto elemento de luta, estudar a questão das lutas, e fazer adaptações que a gente chama ‘dar um trato pedagógico’ nas atividades e acrescentar algumas das habilidades,  que  tem na sua historia, que foram desenvolvidas como arte marcial, eu acho fundamental, na verdade... não como um  componente assim, como uma atividade a ser realizada, judô, karatê, taekwondo, tai chi chuan, mas, incluir nas aulas de Educação Física movimentos e atividades e habilidades que são utilizadas nas lutas e artes marciais de maneira geral. Além de estudo de karatê histórico e cultural sobre elas.

O QUE SERIA PRECISO PARA REALIZAR A PRÁTICA DE OFICINAS DE ARTES MARCIAIS NO COLÉGIO DE APLICAÇÃO?
Resposta:
Eu acho que primeiro seria necessário encontrarmos professores que já tivessem feito adaptação  das artes marciais para ambiente escolar. Sempre lembrando: as academias que trabalham com artes marciais elas têm geralmente por objetivo treinamento para disputa com outras academias. E este não deve ser o foco da Escola. Então teria que haver uma adaptação dos procedimentos e das técnicas utilizadas pelos professores pra isso. E segundo teria que haver um bom trato pedagógico, um bom trabalho com os alunos, para que o aprendizado de elementos de luta não se caracterizasse como uma preparação para a guerra, preparação para brigas.

CRÉDITO DA IMAGEM:

http://imguol.com/2013/04/19/capa-facebook-artes-marciais-1366408997752_851x315.jpg

Entrevista feita com o mestre de Jiu-Jitsu Vicente Soares


por Pedro Henrique,

Segundo alguns historiadores o Jiu-Jitsu ou “arte suave”, nasceu na Índia e era praticado por monges budistas. Para se defender os monges desenvolveram uma técnica baseada nos princípios do equilíbrio, do sistema de articulação, evitando o uso de força e de armas.

(Pedro H) Quais os principais desafios que precisa enfrentar quem deseja profissionalizar-se?
- O grande desafio enfrentado é a falta de apoio que é muito importante e também de patrocínios.

(Pedro H) Qual a principal característica para se tornar um lutador de Jiu-Jitsu?
- Pra se tornar um lutador ele precisa ter muito foco e disciplina.

(Pedro H) Com quantos anos você começou a praticar?
 - Comecei muito velho, tinha 23 anos. Já praticava judô quando criança dos 8 aos 13 anos.

(Pedro H) O que levou você a se interessar pelo Jiu-Jitsu?
 - Perda de peso. Comecei a treinar na Nova Zelândia e no primeiro mês ganhei 8kg. Com força de vontade perdi esses 8 kg.


 Para mim, o Jiu Jitsu é muito bom para a saúde, porque envolve todos os  membros, ajuda a emagrecer, além de ser uma arte de disciplina. Treinar com as pessoas mais graduadas ajuda a evoluir e nos treinos uma forma de se descontrair.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Da minha janela eu vejo a vida.

por Taís,


Vejo árvores de diversos tipos, elas tampam minha visão do que possa ter lá embaixo. Não sei se é legal ou chato, mas sei que moram várias famílias de animais. Um pouco mais a frente tem uma decida que dá em direção a um morro. Lá passa diversos carros e motos, um competindo com o outro.   


Às vezes não dá nem para dormir por causa do barulho, são muitos carros, motos, caminhões e ônibus. Fico sempre observando a movimentação no morro às vezes tem fila. A minha visão é bem bonita, mas gostaria muito de ver o que tem lá em baixo já que as árvores tampam minha visão.

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

A maconha

por Taís,


A maconha é uma planta considerada droga proibida que trás alguns efeitos negativos para o nosso corpo. É uma planta que teve a origem na Índia, podendo chegar a cerca de 5 metros de altura e as folhas são de diversos tipos de tamanho. Ao usar essa substância podemos sentir efeitos físicos e psicológicos em nosso organismo como, memória prejudicada, confusão entre passado, presente e futuro, sentidos aguçados, mas com pouco equilíbrio e força muscular, perda da coordenação, aumento dos batimentos cardíacos, percepção distorcida, ansiedade, olhos avermelhados por causa da dilatação dos vasos sanguíneos oculares, boca seca e dificuldade com pensamentos e solução de problemas. Os efeitos podem durar por cerca de 5 horas.

A consequência do uso da maconha, para a  saúde, é a mesma quando se fuma o cigarro. Com o uso, a pessoa fica dependente necessitando cada vez mais. Ela só não é liberada  no Brasil por que tem muitos projetos contra o uso dessa substância, e também porque pode trazer muitos acidentes de trânsito e  violências.

É muito fácil ter  acesso a essa droga, mas depende muito de suas amizades, e ter muita cabeça. Já que não é uma coisa cara, pois o preço da grama varia muito conforme o  tipo de maconha, fique atento(a)!

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Da minha janela vejo...

,por Lakshmi Jaya

Sim, as vejo todas as noites. Milhões e milhões de pontinhos no céu. Qual é o nome delas? Estrelas. Da minha janela eu vejo estrelas, tão lindas, tão surpreendentes aos meus olhos, chega até ser sobrenatural. Apagam-se as luzes da cidade para fortalecer o seu brilho! Mas, certas noites eu não as vejo, pois as misteriosas nuvens insistem em escondê-las, chega até a me dar um aperto no coração. Como vou dormir em paz, sem dar “boa noite” para as minhas amigas? Elas vêm e vão, assim como o dia clareia e mudam as estações. Para uns as estrelas são grandes e luminosas esferas de plasma, mas para mim não, pois as considero companheiras da lua e guardiãs do mundo. Cuidam das pessoas, das florestas, do mar e de todos os elementos da terra.

Da minha janela eu as vejo, assim, como elas me veem também. Me protegem de todo o mal, em troca eu as conto os meus segredos.

Vão me ver e julgar, dizendo que sou louca por falar sozinha, mas será mesmo?

Cada um tem o seu mundo e é claro que elas me escutam. A loucura move tudo, assim como a força do pensamento beneficia quem acredita.

Da minha janela, e assim como a de todas as pessoas, estão os pontinhos perdidos no céu. Só vê quem quer, só vê quem as entende. E não pare para vê-las apenas quando está apaixonado, sofrendo, rezando ou algo do tipo. Consideração gera consideração. Atenção gera atenção e tudo que vai, volta. Procure-as nos momentos mais simples, pois elas irão lhe ajudar quando você mais precisar. É só confiar.

Fechei a janela. A conversa estava boa com as minhas amigas, mas como todo o ser humano, eu preciso de descanso.

Curtam a noite, em poucas horas o dia clareia e vocês precisam cuidar de outros planetas, de outros seres, de outros mundos, em outros tempos. Até outra hora.

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Entrevista com o prof. Paulo Roberto Brzezinski

por Pedro Henrique,

 Olá caro leitor, estamos na semana das olimpíadas em nosso Colégio, que teve início do dia 14/09 e termina no dia 20/09. Ela envolve todas as turmas, separadas pelas séries/anos, e tem as seguintes modalidades: futsal, handball, vôlei, basquete e atletismo.
 Fiz essa entrevista com o professor de Educação Física, Paulo Roberto Brzezinski, perguntando sobre as olimpíadas.                                                                        

Pedro H. - Porque nas Olimpíadas do CA de 2012, não houve o atletismo?
Paulo R. - Tanto em 2011, quanto em 2012, ocorreram episódios de chuvas. Conseguimos reorganizar o cronograma das atividades e o atletismo em 2012, em função de que outras atividades incluíram no programa das olimpíadas, não houve tempo para fazer a reposição.

Pedro H. - Você gosta de organizar as Olimpíadas?

Paulo R. - Eu gosto de organizar um evento que envolva os alunos em torno das atividades físicas. Não concordo com as olimpíadas escolares, porque os alunos que se consagram, são os mais altos, os mais fortes e o mais rápidos. Eu acho que não são esses os valores que a gente deve enfatizar na escola, porque a escola está formando cidadãos, muito mais do que competir, deve-se pensar em colaborar, cooperar e principalmente serem solidários. Isso acirra a disputa e acaba contrariando os princípios de organização da escola e  penso que para a sociedade também.

NATAÇÃO UM ESPORTE COMPLETO E IMPORTANTE

Por Pablo,

Na  antiguidade saber nadar era mais uma arma de que o homem dispunha para sobreviver. Os povos antigos eram perfeitos nadadores como, por exemplo: egípcios, fenícios, ameríndios e entre outros. Muitos dos estilos foram desenvolvidos a partir das primeiras competições esportivas no séc. XIX e basearam-se no estilo de natação da Austrália e indígenas da América.

Na antiguidade grega e romana o interesse era o culto pela beleza física. Os gregos fizeram da natação um dos exercícios mais importantes para o desenvolvimento do corpo, onde era incluída no treino dos guerreiros. Em Roma, Platão afirmava que o homem que não sabia nadar, não era educado.

No Brasil, a natação foi oficialmente introduzida em 31 de julho de 1897. A partir daí projetou-se  internacionalmente com nadadores que tiveram marcas mundiais, como Ricardo Prado, Gustavo Borges, Fernando Scherer e atualmente Cesar Cielo.

Os estilos de natação dividem-se em quatro modalidades crawl, costas, peito e borboleta. Uma curiosidade sobre a natação é que, no Brasil, a primeira competição oficial que se tem registro é a travessia da Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro. Ela ocorreu em uma disputa entre Joaquim Antônio Souza, de 19 anos, de Niterói, e um relojoeiro alemão Theodor John, de 50, no ano de 1881.


Fontes:
http://norio2016.blogspot.com.br/2011/12/esportes-aquaticos-natacao.html
http://ilucas.com.br/?tag=joaquim-antonio-souza

Créditos da imagem:
tudosobrenatacao.blogspot.com              

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Da Minha Janela Vejo

por Pietra,

 
Da minha janela vejo meus cachorros. Para colorir o lugar, arbustos de hibisco, uma bela flor vermelha, chamando a atenção dos beija-flores
.
Seguindo o olhar, mais à frente, um grande abacateiro, gestando os seus frutos grandes e belos. Logo depois, uma rua pouco movimentada, que vez ou outra passa um carro. Ali não acontece nada de interessante, tudo se mantém estático.

O teto do meu quarto é baixo, e por isso atrapalha um pouco a vista, mas o pouco que vejo lá é o suficiente para mim.Grande parte da vista vai para a varanda pouco iluminada.
O dia vai virando noite, tudo vai ficando escuro, restando apenas a luz fraca da lua, que está mais bonita do que nunca. É ela chegar para, então, eu me despedir. Fecho a janela e deixo a noite dar seu espetáculo particular e um tanto solitário.

domingo, 15 de setembro de 2013

Apresentação da Equipe de Criação - 3º Trimestre

por Equipe de  Criação,


Logo de inicio dessa carta de apresentação, venho a dizer que somos do 9 ºB e temos como função, postarmos textos sobre vários assuntos de nosso gosto, colocando em primeiro plano os esportes, que em geral é um assunto de interesse da maioria dos integrantes do grupo.

O que é um blog? Página da internet feita para postar  tudo o que venha a  interessar o criador dela. Sim, é isso mesmo. Textos curiosos, divertidos, iremos divulgar informações de diversos assuntos, textos poéticos, sentimentais, esclarecedores, informadores, sim, essa é a nossa intenção. Esperamos de coração que essa página traga algo de bom para você, caro leitor. E que se divirta com as nossas postagens, vamos nos esforçar ao máximo para que toda vez que você entre, tenha algo de novo para ler.


Moramos em Florianópolis, estudamos no Colégio de Aplicação- UFSC, e os componentes desse blog do terceiro trimestre são: Pedro Henrique Rocha, Pablo Pagani, Yanka Ghizoni, Yasmin Vieira, Leandro Souza, Pietra Frassetto, Tais Lauterjung , Luis Felipe Domingos e Lakshmi Jaya Santos.